[ editar artigo]

O Genocídio Implantado pelos Animais

O Genocídio Implantado pelos Animais

 

Na imundície do poder uns bichos relativizando o genocídio...

Transformam mortes de inocentes em simples números.

Os animais ficam em gaiolas adornadas,

Debruçados sobre o silêncio, vomitados na inércia,

Enquanto falta vacina e oxigênio para centenas de pessoas.

Nada fazem e na rua da cumplicidade com o descaso

Permitem que mais de duzentos mil sejam alvejados pela morte.

São negacionistas da ciência, abutres moralistas,

Lobos evangélicos, hienas empresariais...

Um zoológico que faz do país uma terra molhada de sangue.

Com as mortes da covid, a desigualdade caminha a passos largos.

Os despostas travestidos de democratas que nos cercam criam um fétido

Mar sangrento de desolação, desemprego e dores aos pobres.

Famílias sem teto, crianças a mendigar, aumento de enfermos,

Pais que perdem filhos... Um indizível mundo apocalíptico!

Mas aqui está a força que não cresce. A covid invade o corpo coletivo,

Mas que permanece inativo... Privado de reação efetiva contra os genocidas.

Narrativas

INfluxo
Dennis De Oliveira Santos
Dennis De Oliveira Santos Seguir

Sociólogo, professor e escritor. Um amante do mundo das letras que se expressa através de poesias e crônicas.

Ler conteúdo completo
Indicados para você