INfluxo
INfluxo
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
VOLTAR

Recordações de Patativa do Assaré

Recordações de Patativa do Assaré
Dennis De Oliveira Santos
jan. 2 - 1 min de leitura
000

Sou poeta urbano,

Mas que nasceu no interior goiano,

A desigualdade, a saudade e a dor

Canto aqui e Patativa cantou acolá.

Com os versos do homem de Assaré

Aprendi a defender o uso social da terra

Em nome do pequeno agricultor.

Lembro de minha cidade natal quando

Ele cantou o Ceará como torrão amado.


O porta voz do sertão me transmitiu humildade:

Que mais vale a sabedoria do dia a dia

Ao invés de títulos acadêmicos,

As coisas simples da vida comum.

Me fez ouvir o homem caipira,

Está ao lado dos trabalhadores,

Dos coitados pedintes.

Tua foto, tua estátua no Dragão do Mar,

Teus reflexivos cordéis

Me trazem saudade dos anos

Morados em Fortaleza, lembram a alegria,

A sinceridade daquela gente.



Denunciar publicação
    000

    Indicados para você