Marluce Persil

Marluce Persil

5 Seguidores

0 Seguindo

7 Publicações

Ver mais
Biografia

Poeta,Historiadora,graduanda em Psicologia,ocupante da cadeira 240 na Academia Internacional Mulheres das Letras.Feminista atuante nas causas sociais.Aos 16 anos estreiava nos palcos baianos; participou de inúmeras coletânias nacionais e internacion

Principais interesses
  • Nenhum assunto encontrado

Conquistas Alcançadas

  • Nenhuma conquista encontrada

Assim Seja!

 Sejamos todos as nossas próprias invenções, confusões, definições, opções.Sejamos todos por inteiro, sem receios,Independente das opiniões e olhares alheios.Sejamos, o completo oposto daquilo que nos foi imposto!As espectativas que nos...ver publicação
Assim Seja!
Seja o primeiro a interagir!
1 Curtidas
0 Comentários
0

Liberta de mim mesma

Eu, fulana de tal, que não estou acima do bem nem do mal,vou seguindo os dias como simples e mera mortal, mas, se eu puder ao universo um pedido fazer... só quero...ver publicação
Liberta de mim mesma
Seja o primeiro a interagir!
3 Curtidas
1 Comentários
0

Pena profana

⁠Poetas,profanos,poemas.Nas mãos uma pena,nas mentes dilemas.Joelhos balbuciam rezas,Ora se entregam,ora renegam.O breu acendeu...vontades dionisíacas, A pena ganhou o poeta e o poeta, ganhou vida.(Marluce Persil)...ver publicação
Pena profana
Seja o primeiro a interagir!
2 Curtidas
1 Comentários
0

Se um dia vocês quiserem saber sobre nós...

 Sabe quais são as consequências dos nossos atos!?Enfermeiros, Médicos,Dentistas,Engenheiros,Arquitetos,Advogados,e tantos outros profissionais que não cabem nesse rascunho amassado.A gente ensina desde calçar os sapatos, a compreender o passado, pensar sem precisar...ver publicação
Se um dia vocês quiserem saber sobre nós...
Seja o primeiro a interagir!
2 Curtidas
0 Comentários
0

Estocolmo

 Olha de frente, pra frente do espelho,olha de frente pra o que carrega nas veias e abre teu peito,põe tua história e a nossa História.Olha de frente pra quem te pariu...ver publicação
Estocolmo
Seja o primeiro a interagir!
1 Curtidas
0 Comentários
0

Me deixem só falar das rosas. ⁠

Eu queria somente falar sobre as rosas, mas os espinhos estão aparentes e é inevitável não lembrarmos que precisamos apara-los para não machucar ninguém, porque nem tudo se resumes as flores, mas:a terra,...ver publicação
Me deixem só falar das rosas.  ⁠
Seja o primeiro a interagir!
2 Curtidas
0 Comentários
0