[ editar artigo]

Poesia: Raios de Amor

Poesia: Raios de Amor

Logo que te vi soube que era meu amor
Sua pele exalava o perfume de uma flor
Meu corpo se polarizou na eletricidade
Trovões anunciavam uma nova verdade

Seu amor chegou na intensidade de um raio
Sua energia intensificou ao dizer que te atraio
Naquele momento minha mente relampejou
Pois certamente era um nascimento do amor

Entre raios, relâmpagos e um intenso trovão
Naquele instante compus para ti uma canção
Lua cheia, ondas do mar, um deitar na areia
Meu corpo se enroscava no seu, minha sereia

A cada novo toque de cada parte mais intima
Sentia o meu corpo explodir num jorrar impar
Raios, relâmpagos e trovões no seu esplendor
Ao partirem deixaram a certeza de nosso amor

Narrativas

INfluxo
Ricardo Alves de Souto
Ricardo Alves de Souto Seguir

O Autor tem uma extensa carga cultural. Poeta por essência, escritor, advogado renomado e político são algumas das carreiras desse talentoso escritor que hoje conta com 52 livros publicados.

Ler conteúdo completo
Indicados para você