[ editar artigo]

O Céu de Baunilha

O Céu de Baunilha

Ao ver esse majestoso céu de baunilha

Recordo de você, naquela linda ilha

O sol refletia a perfeição do seu corpo

E eu admirava a beleza do seu rosto

 

O céu de baunilha e os seus olhos azuis

Cores que decifravam a magnitude da luz

Entre eu e você, existia pura respiração

Ofegante, pelo intenso desejo do coração

 

Dois corpos se extasiavam de puro prazer

Na bucólica ínsula a beleza era toda você

Malgrado a maravilhosa sensação do ardor

O que me comovia era o indubitável amor

 

Buscava pelo céu de baunilha ao ver você

Momento em que me encontrei como ser

Amor, meu exímio sentimento não se mensura

A longevidade do desejo e do amor que me cura   

Narrativas

INfluxo
Ricardo Alves de Souto
Ricardo Alves de Souto Seguir

O Autor tem uma extensa carga cultural. Poeta por essência, escritor, advogado renomado e político são algumas das carreiras desse talentoso escritor que hoje conta com 52 livros publicados.

Ler conteúdo completo
Indicados para você