[ editar artigo]

Foi assim que me perdi.

Foi assim que me perdi.

Entre idas e vindas, devaneios e ilusões, aqui estava eu, mas uma vez procurando da forma  errada.

O escuro me confundiu, por muito tempo pensei que era meu amigo, mas no final descobri que era só mais um inimigo.

Vivia dias repetidos, pensamentos tão iguais, parecia tudo estar perdido, ja era tarde de mais.

As cores ja não  brilhavam, nada mais me fascinava e tudo se tornou chato, sem cheiro, sabor, sem graça

Sentimento cruel e penetrante. 

Cada vez os sonhos pareciam mais distante, e o medo se tornou tão constante.

Em um labirinto eu vagava e mais sozinho ficava.

No  espelho tudo se tornava desfocado, minha imagem retorcida, a alma sufocada.

Grande se tornava a ferida.

Mas um dia reagi, decidi que não queria mais isso para mim!

Me encarei no espelho e realmente me enxerguei.

Vi o sofrimento que me causei.

Não sei como exatamente começou, mas sei que foram dias sem reações que piorou.

Na verdade basta um gatilho para no escuro a gente ficar.

E cada vez mais no abismo se aprofundar.

Ninguém é super herói que de medos não possa ter, ou ser corajoso ao ponto que não possa se esconder.

Agora a pergunta é de exatamente o que?

De tudo aquilo que te faça sofrer...

 

 

Narrativas

INfluxo
Regianny Bueno
Regianny Bueno Seguir

Eu vivo, não só existo! privilegiada pelo dom da vida, e você? Gostaria muito de ter contagiado mais . Sonhadora sempre, já cheguei até aqui assim, não vai ser agora que vou mudar... Sei qual é o meu legado ... pena a vida ser tão breve ... viva mais

Ler conteúdo completo
Indicados para você