INfluxo
INfluxo
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
VOLTAR

O CORINTHIANS NA VIDA DO CUCA

O CORINTHIANS NA VIDA DO CUCA
Cassiano Ricardo Martines Bovo
abr. 29 - 2 min de leitura
010

Treinador dos bons, muitas façanhas no esporte bretão.

E o “Caso Berna” ressurge a cada time que Cuca treina, ao menos ultimamente.

As contestações parecem querer lembrar que talvez o caso não esteja solucionado, em que pese o veredito da Justiça suíça.

E ele geralmente diz “mas foram fatos acontecidos há tanto tempo....”, para que remexer?

Mas o esquecimento não resolve, só piora.

E Cuca nunca foi barrado por causa disso no seu competente trabalho.

Depois de tantas andanças, times e campos afora, ele chegou ao Timão, aquele da Democracia Corintiana, do êxodo do Maracanã e do apego às causas sociais, dentre muitas outras coisas.

E agora José (ou melhor, Cuca)?

E parece que tudo foi diferente. A começar pelo tempo que durou como técnico.

Talvez ele nunca tenha sentido tão forte e obstinada oposição, vinda não só da torcida, mas de outras frentes (parte da mídia e das “brabas”, para ficar em alguns exemplos) que viram alguma contradição (por que será?) em treinar um time como o Corinthians.

Parece até que ao chegar no Parque São Jorge tudo ressurgiu na forma de avalanche.

Na sua apresentação Cuca repetiu o que costuma dizer e, convenhamos, não pegou bem o esquecimento do nome da Campanha “Respeita as Minas”.

Após sentir o que é a força da Fiel (que não vaia o time durante o jogo) dentro do campo, terminada a peleja contra o Remo, Cuca pede demissão.  

Se o “time do povo” não vem lá muito bem dentro das quatro linhas, talvez tenha contribuído para uma certa “comoção em busca da verdade”. Mais três pontos.

E fez Cuca, em vez de esquecer, decidir (ao menos foi o que ele disse) ir atrás, de uma vez por todas, de elementos que provem a sua inocência.

 Apesar de retrocessos recentes, a sociedade brasileira parece estar mudando.....

 



Denunciar publicação
    010

    Indicados para você