[ editar artigo]

Frases

Frases


Há frases que é de tal riqueza que não necessitam de um contexto ou roteiro qualquer para serem singulares. Sequer precisa ser aforismos, guardarem uma verdade maior. Creio até que tenho isso apenas comigo em relação a elas. Possivelmente a coisa fique claro agora: 
    Hoje, pela manhã, escutei essa sentença de alguém: "Tenho um sinal na perna que foi uma queimadura na barriga de minha mãe". Quando eu escutei isso, um rico universo se desnudou em minha mente. A frase não precisa de um contexto, roteiro ou nada que a explique. Ainda que para cada pessoa ela possa ter uma significação, encontre um sentimento. Uma frase órfã, um objeto perdido no espaço em que ela mesma conserva a sua gênese e sua história.  
Tenho outra. Mas esta tem um contexto em que considero interessante sentenciá-lo. A frase, eu escutei há muitos anos, de um amigo que tinha um primo que escrevia umas coisas quaisquer. Não sei se esse primo escreve ainda, mas a frase não morreu em mim. E todas as vezes que penso nela, a mesma tem um impacto sonoro tremendo: "Jhone, encontrei os teus dentes no chão". 
Devo confessar que eu não sei bem se, aliás, a frase seria o próprio título da história narrada. E não sei se acabo cometendo uma indiscrição quanto ao amigo em relatar a coisa. Não sei até onde foi o ambicioso escritor adolescente que compôs essa pérola. Mas se ele um dia vier a ler isso, talvez me perdoe. 
Devo confessar que ainda recordo do grosso da narrativa em que a frase se encontrava posta. Devo 
 

(do volume "Novos Escritos")

Ler conteúdo completo
Indicados para você