[ editar artigo]

Amadurecer dói - parte 2

Amadurecer dói - parte 2

Sim amadurecer dói, muito más, e necessário, essencial
E a gente só entende que foi bom tomar uns tombos, na vida
Quando começamos a ver os resultados, isso se nós permitimos,
Se não as feridas nunca fecham e não se pode aprende com ela
Amadurecer dói, e é uma escalada, sem fim, sempre temos lições
Mas digo por mim, foi assim que venci preconceitos bobos, que me limitavam
Venci abandonos, apendendo a me amar e me priorizar
Aprendi a não julgar as pessoas que pensam diferente de mim, elas têm todo direito
Apendi que não sou melhor do que ninguém, que erro e muito.
Aprendi a ignorar comentários que me humilham, porque eles não sabem nada da minha vida
Aprendi que olhar nos olhos pode ser mais profundo que e intenso que uma longa conversa
Aprendi que não se importar com o que os outros pensam de mim, me faz livre.
E principalmente que minhas cicatrizes são lindas, elas me lembram cada batalha que travei,
E se estão aqui, estas cicatrizes é por que sobrevivi a cada uma delas.
E durante essa vida , ainda travarei mais lutas.
Mas o mais importante, que aprendi a ser a protagonista, da minha história.
E isso vale muito a pena, se você se permitir, a desenvolver.

Juliana Almeida Rossi

LEI DE DIREITOS AUTORAIS Nº

INfluxo
Meu Baú de Poesias e pensamentos
Meu Baú de Poesias e pensamentos Seguir

O meu baú de poesias é onde guardo poemas e pensamentos aleatórios, sobre a vida, e tudo que se relaciona, a sentimentos, sejam eles profundos e reflexivos, depressivos, alegres por que a vida é feita de momentos, transformo os momentos em poesias.

Ler conteúdo completo
Indicados para você