[ editar artigo]

A Prisão que Liberta

A Prisão que Liberta

 

Essa pandemia foi horrível para o mundo, trouxe desgraça, mortes, roubo, violência racial, violência  política  partidária, politicagem, corrupção, sensação de impotência perante a vida, distanciamento de pessoas que amamos, incertezas, que irão causar algumas sequelas no futuro a algumas pessoas não tão preparadas, carentes de espiritualidade.

Vai mexer com a cabecinha de muitos aí. Vai mexer com a cabeça de todos nós. Algumas podem melhorar, outras podem piorar, ninguém é igual, cada um terá uma reação perante a isso tudo  no futuro. Espero que a humanidade melhore. A espiritualidade vai dizer.

Mas, o que fazer? Não tem jeito, ela já chegou e vai ficar um tempo aqui ainda. Vamos ter que aprender a conviver com ela, e  se adaptar. Até chegar as vacinas confiáveis  e vacinar todo mundo. Vai demorar um pouquinho.

Temos que tocar a vida com responsabilidade, segurança, e tirar da desgraça alguma coisa de proveito, alguma lição para a vida. Isso é de cada um. Irá depender do seu nível de consciência.

Não tive muito o que fazer diante da quarentena, e diante de algumas desilusões. Tive que sofrer calado em silêncio.  Apertar a tecla da paciência, e deixar ela ligada. Já vinha trabalhando essa paciência, e continuei.

Não foi fácil, mas poderia ser pior. Não posso reclamar, porque não vivo mais a ilusão do  mundo da minha mente e nem a ilusão do mundo da mente das pessoas. O mais difícil foi vencer uma insônia, mas, nada que uma melatonina não desse jeito. Isso é o de menos quando voce está numa prisão domiciliar.

Vivo a espiritualidade da Alma do meu coração. E posso dizer que estou vencendo isso tudo, graças à Deus, vencendo junto da pessoa que mais amo na vida que é minha Mãe, apesar de estar há um tempo sem ver minha filha, minhas sobrinhas, alguns irmãos, amigos, e agora o meu netinho. Pelo menos virei avô no meio dessa situação. Uma coisa boa.

E tenho certeza que muita coisa boa irá acontecer ainda como sempre aconteceu. Isso é apenas um laboratório para o que virá de bom depois que a tempestade Covid 19 passar.

A saída que encontrei foi para dentro. Foi continuar viajando para  dentro. Já vinha viajando há um bom tempo. Então, não tive muita dificuldade de aceitar essa quarentena imposta.

Tenho feito o que mais gosto de fazer que é escrever, estudar muito sobre o que escrevo, e sobre o mercado literário, porque tenho projetos pela frente e quero fazer bonito. Aprendi que a pressa não leva a nada. Além disso, comecei a fazer cursos na minha área pela internet, com bons profissionais e estou adorando.

E isso me manteve esperançoso e tranquilo. Tirando essa quarentena de letra. Aceitando as surpresas da vida, boas, ou ruins. Se você não aceitá-las é bem pior. Deus está  no controle, tudo na vida passa.

Sigo com fé e muita esperança. Viajar pra dentro é ótimo. É a melhor viagem.

O tema  que estudo, a ciência interior, me ajuda muito entender tudo, e ao mesmo tempo traz paz espiritual para mim.

Além de ajudar a cuidar da casa e da minha Mãe, continuar trabalhando nos meus projetos, dá uma fugidinha rápida, de vez em quando, respeitando o protocolo, me ajudaram suportar a prisão domiciliar.

Essa foi a forma que encontrei de superar esse vírus que mudou a vida das pessoas no planeta. O meu ofício me tirou da ansiedade, da agitação e do barulho da mente que tem dificuldade de ficar quieta.

Apesar de tudo, uma crise mundial, uma pandemia, pode trazer um grande insigth para você no futuro, e até contribuir para você  deixar uma obra pronta para que um dia seja lançada para o Universo.

Essa foi a forma que encontrei para meditar e não pensar muito sobre isso tudo. Devo ter mais um livro pronto, e dois começados para terminar e para editar. Apesar de tudo só tenho a agradecer.

Essa foi a minha terapia. Continuar trabalhando como um louco no meu home-office. Não olhando muito para mundo exterior, não pensando muito e nem assistindo televisão. Apenas viajando parado, sem gastar dinheiro, gasolina e sem perder tempo.

Quando você faz o que ama, você encontra força para tudo. E as energias negativas ficam do lado de fora, ou melhor somem, nem chegam perto. Muitos encontraram o que eu encontrei. Imagino que para alguns deve ter sido pior essa "prisão".

Você só consegue escrever estando em paz. Agradeço à Deus por ter encontrado essa paz para fazer o que mais amo nessa vida,  em plena crise mundial de saúde, de valores e de tudo.

Consciência, Gratidão, e Fé! Essas são algumas palavras que carrego comigo! 

Ahow!  🙌

Luis Jarbas Carvalho Junior

#Chamada#Quarentena#INfluxo#AutoConhecimento#CiênciaInterior

Ler conteúdo completo
Indicados para você